Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Estreia de Horta 2.0

por Marquês, em 26.01.15

É incontornável falar daquele que pode ser o tema do dia... de amanhã. "Porto a nove pontos da liderança" ou "Benfica não aproveita escorregadela dos dragões".

 

Porém, antes disso, vou deixar uma nota de arbitragem. Para quem se queixa da arbitragem no futebol português, aconselho que vejam futebol internacional. Ontem sentei-me no sofá e vi nove horas seguidas de futebol. Futebol português, espanhol, francês e italiano. E amigos, nos três jogos internacionais não houve um árbitro que não tivesse errado. Mas muito. E descaradamente. Penaltys, expulsões, muita polémica.

 

E vou destacar dois jovens: André Horta e Nick Kyrgios. Já tinha falado do australiano na semana passada. O jovem tenista voltou a surpreender e eliminou Seppi, o carrasco de Federer, após estar a perder 2-0 em sets! Fantástica recuperação. O "bad boy", que joga de brinco na orelha e aparece de calças de ganga rasgadas nos eventos da ATP, já garantiu o seu melhor ranking e bem cimentado no top 50!

O jovem português, irmão do internacional Ricardo Horta, estreou-se a titular pelo Vitória de Setúbal e os sadinos golearam (4-1) o Rio Ave. Apesar do André ter sido substituído quando o resultado estava empatado 1-1. Já o vi jogar ao vivo e tem pormenores de jogador. É um jogador diferente e mais completo que o irmão, joga em qualquer posição do meio-campo, lê bem o jogo, tem pormenores técnicos e sabe soltar a bola em condições. O futuro o dirá mas, ainda em idade júnior, já demonstra ser uma aposta válida para o novo mister Bruno Ribeiro.

 

 

O Benfica hoje pode ver o seu rival a nove pontos! O único adversário pode ser mesmo esse - a distância para o rival. O Paços de Ferreira soma um empate e quatro derrotas nos últimos cinco jogos, incluíndo a eliminação da Taça de Portugal, e está a atravessar a pior fase da temporada. O Paulo Fonseca assume que não vai jogar à defensiva e isso pode revelar-se perigoso. Antecipo este jogo com alguma expectativa. Em caso de vitória, já sem Taça de Portugal e competições europeias, o Benfica dá um passo de gigante e fica "obrigado" a ser campeão. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Vitorino Antunes, porque não?

por Marquês, em 21.05.13
in uefa.com
Porquê? - perguntam vocês. Porque não? - respondo eu. E vocês insistem - E porque não e porque sim?. Porque me apetece. E isso chega. Sou o único autor neste blogue, sigo os meus ideais de escrita e sou eu mesmo que escolho os temas. Portanto, Vitorino Antunes! - chuto eu! Lance anulado por carga sobre o guarda-redes, assinala o fiscal de linha.

Fizesse eu parte da estrutura benfiquista, e em Janeiro este menino tinha apanhado a carreira das 9h00 em direcção ao Seixal. Mas como não faço, foi passear até Málaga. Fez uma boa época, ficou tempo demais preso à Roma, onde nunca conseguiu mostrar as qualidades pelas quais foi contratado. Parece renascido. Aposta barata e segura. É português, já foi e voltará a ser internacional, seguro a defender e inteligente a atacar. Não é nenhum Coentrão mas é um valor seguro.

Se o Benfica um dia pensou em contratar Luisinho, não dá para trocá-lo pelo Antunes? Eu sentia-me mais seguro com o Antunes na esquerda do que com o Melgarejo. Há anos que eu digo isto: Antunes no Benfica. Mas o Emerson é melhor, adaptar o Melgarejo é melhor, Shaffer, César Peixoto, Sepsi, Jorge Ribeiro, todos eles melhores que o Antunes! (Para quem não entendeu: pura ironia) Ainda há quem me diga: "Isso é muito FM". Talvez seja. No FM o Antunes era o meu defesa esquerdo. Tal como na realidade, nunca exuberante mas sempre seguro. E se há algo que assusta qualquer benfiquista é aquela lateral esquerda, há muitos anos. Escapou-se o Coentrão e rendeu uns belos trocos.

Enfim. Na cabeça já começo a imaginar: Antunes no FCP! Alex Sandro sai para um tubarão europeu, Antunes agarra o lugar e é o melhor lateral da liga, regressa à selecção, vai ao Mundial e eu, na minha inocência estúpida vou pensar: "já sabia", "já estava a ver isto", "sempre a mesma história", "bem vos avisei"...

Autoria e outros dados (tags, etc)


O responsável

foto do autor



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D