Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Preparem-se. Chegou o Trump

por Marquês, em 09.11.16

Odeio dizer isto: “não digam que não vos avisei”. Fiz questão de ressalvar que o tipo era perigoso – a ler aqui.

 

O mundo ocidental acordou em choque: Trump é o 45.º presidente dos EUA!!!

 

 

O drama, o horror, a tragédia! Aquele tipo insuportável, lunático, sexista, racista, rico, idiota, vai governar a maior potência mundial!

 

Vai ter acesso a ataques nucleares!

 

Vem aí a III Guerra Mundial!!!

 

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!!!!

 

Bem, antes de mais, acalmem esse nervosismo miudinho que o senhor Obama ainda lá fica até final do ano. Que nada vos estrague a última bebedeira de 2016 e primeira de 2017!

 

Em segundo lugar, nós continuamos a estar em Portugal onde nada acontece. “Ah mas tenho uma tia-avó na Califórnia descendente de mexicanos e vai ser deportada”… não vai nada.

Relaxem que o Trump não vai ser o primeiro político a cumprir o que promete em campanha. Nem vai fazer nenhum muro à volta dos Estados Unidos nem vai declarar guerra a todo o mundo. Pelo menos no primeiro mês como presidente. Tenho para mim que no primeiro mês vai ser um presidente Marcelo. A passear nos arraiais das terrinhas, a posar junto de bebés com tshirts de ódio às mulheres e a fazer festas com as modelos do calendário Pirelli.

 

Em terceiro lugar, que raio se passa na cabeça de quem vota? Os gregos é que tinham razão pois só votavam cidadãos homens com mais de 30 anos… ok, provavelmente isso iria eleger o Trump na mesma.

 

Bem, a meu ver, isto é uma derrota dos meios de comunicação, do partido democrático norte-americano e de quem não teve “balls” para votar numa mulher.

 

Durante meses, eu incluído, andamos nas redes sociais a falar do Trump. Porque dizia frases que tinham piada, porque era imbecil, porque tem uma mulher gostosa, porque não tem um discurso coerente, porque tem um esquilo na cabeça…

 

E quem falou de Hillary? Quem se lembra dela? Quem publicou as promessas eleitorais da Hillary? Quem disse que ia votar nela por ser uma excelente candidata em detrimento de ser apenas “a candidata mulher”? Quem?

 

Portanto sim, em último lugar, quem deu a vitória ao Trump fomos nós. Que gozamos com ele, que falamos dele, que levamos a sua candidatura na brincadeira e não tivemos capacidade de perceber que do outro lado estava uma candidata cuja campanha passou ao lado de todos pois o candidato-palhaço reuniu para si todas as opiniões boas e más. E na hora de votar, ninguém vota em quem não conhece – muito menos numa mulher…

 

God bless America!

 

(PS: faz sentido rezar pelos EUA? Vi centenas de publicações nas redes sociais com esse #. Mas o Trump é algum tsnunami ou o holocausto ou o pessoal anda muito envolvido nesta coisa das #?)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Lindsay, YESYOUCAN

por Marquês, em 21.10.15

Imagem1.jpg

 Lindsay Lohan, uma rapariga exemplar, que nunca esteve internada em clínicas de reabilitação nem nunca cumpriu prisão, que jamais namorou com dezenas de rapazes (se considerarmos apenas os "famosos", a própria Lindsay diz que foram 36), que nunca fugiu de um atropelamento nem tentou subornar um camionista para se livrar disso. Outra coisa boa é ser muito amiga do Charlie Sheen, outra jóia de rapaz!

 

Pois, essa mesma Lindsay publicou no Instagram que podia concorrer à presidência dos States em 2020. 

 

Isso seria o equivalente à Sara Norte e o José Carlos Pereira fazerem uma coligação para substituir o Cavaco...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Voltei

por Marquês, em 21.03.13
Passadas três semanas, estou de volta e mais bonito do que nunca. A sério, até fui ao cabeleiro e tudo! Durante este tempo não me esqueci de vós, apenas andei distraído com a eleição do novo Papa, que ao menos gosta de futebol, e andei desmotivado pela falta de tomates do governo e pela chuva. Até curto chuva, quando não tenho o azar de ficar todo ensopado e porra, estas semanas sempre que chove há uma maldita nuvem que me persegue... E por demais, sou Gémeos e tenho direito a passar metade do ano desmotivado, já tirei uns dias, agora já passou.

Transferências do dia: Wolfswinkel no Norwich, Sócrates na RTP, e eu desejava ler em algum sítio que o Passos Coelho e o Relvas tinham ido parar à Cochinchina (para os leitores maiores de idade, podia ter dito para a p*** que os pariu, mas em relação a seres inferiores gosto de manter a dignidade). E a Cochinchina existe mesmo, fica para os lados do Vietname, como quem vai em frente e vira à direita, ou à esquerda se vier no sentido contrário. Não tem nada que enganar.

Nada tenho contra o Sócrates versão comentador político. Devo ser dos poucos neste país, mas sempre gostei de ser do contra. Se o Santana Lopes e a Ferreira Leite podem fingir ser comentadores políticos, não vejo onde o Zézinho seja pior pessoa. Preferia ver o professor José Adelino Maltez ou o Miguel Esteves Cardoso a comentar, dois homens sem papas na língua e que dizem coisas que eu gosto de ouvir. Mas é a minha singela opinião.

Quanto ao Wolfswinkel, existem duas formas de ver as coisas: desportiva e empresarial. No primeiro aspecto, é um bom negócio para o Sporting, a ser concretizado. O rapaz é fraquinho, pode ser uma jóia de moço, o genro que todas as sogras desejam, mas é fraquinho como ponta-de-lança e não serve para o Sporting. Talvez seja bom demais, talvez chegue a Inglaterra (onde é raro vermos jogadores tão franzinos e moles) e se torne num grande avançado, talvez o Norwich o venda daqui a um ano por 30 milhões para um colosso. Para o Sporting é um bom encaixe de 3 ou 4 milhões, visto não deterem mais que 35% do passe, por um activo que nos últimos meses está a desvalorizar. O facto de ficar até final da época tem tudo para dar bom resultado - sabe que no futuro vai para um clube novo, para outro campeonato mais competitivo e com maior visibilidade, vai ganhar melhor, pode passar estes meses no Sporting sem preocupações - e acredito que esse alívio psicológico vá resultar numa subida de rendimento. Do ponto de vista empresarial... o Godinho é um sacana. Investiu, mal, no clube e agora, de malas feitas, quer encher os bolsos e fingir que deixa o clube mais saudável com este negócio. Quem vier a seguir que se lixe, à boa moda portuguesa, e cobarde. Já se fala que também pode vender o Capel e o Schaars, dois jogadores acarinhados pelos adeptos e dos melhores no plantel. É um acto de cobardia. Os jogadores até podiam não fazer parte dos planos do novo presidente, mas não deve ser o demissionário a decidir isso como despedida. Adeus inglório deste "sonhador".

Autoria e outros dados (tags, etc)


O responsável

foto do autor


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D